segunda-feira, 28 de julho de 2014

Um Passarinho me Contou

O pássaro pousou na laje
Atrevido, me fitou
E disse: "Nada é eterno".

Ora,
Vá contar suas lorotas
Para outro
Seu sabiá enxerido!

Decolou,
Adejando ao Horizonte
Sabendo-se seguido.

Lá pras bandas de Judas e suas botas
Piou seu ultraje:
"Fica aí com teu Inferno!"

Nenhum comentário: